A ARCONTEC refrigeração e ar-condicionados oferece a você uma completa seleção de serviços, com alto padrão de qualidade e profissionalismo.
Especializada em instalação e manutenção preventiva e corretiva de ar condicionado split, cassete, piso teto, hi wall, janela e chiller. Trabalhamos também com câmaras frigoríficas, balcões frigoríficos, geladeiras comerciais e geladeiras domésticas.
Com equipe de profissionais habilitados para diagnosticar e reparar defeitos nos equipamentos com rapidez e confiabilidade.
Com amplas opções de serviços garantimos verdadeiras soluções para seu conforto e bem-estar.
Manutenção do ar condicionado evita problemas de saúde.

A falta de manutenção e de limpeza nos aparelhos de ar condicionado pode comprometer o ambiente climatizado, favorecendo o agravamento de doenças respiratórias, como asma, rinite, sinusite, pneumonia, tuberculose e outras infecções respiratórias.

Apenas com a manutenção preventiva periódica no aparelho de ar condicionado, é possível evitar a proliferação de bactérias, fungos, ácaros e insetos no ar. Porém, a limpeza deve ser feita apenas por profissionais especializados e autorizados.

É importante também desfazer o mito do choque térmico. Causada pela entrada e saída sucessiva de ambientes com ar condicionado, a prática não provoca doenças.

Em ambientes com carpetes, o ar condicionado pode colaborar na diminuição da proliferação de ácaros.

Mas a limpeza e a manutenção não auxiliam apenas a saúde das pessoas. A prática também proporciona maior economia de energia elétrica, além de aumentar a vida útil do aparelho.


Ar Condicionado: Financiamento para os retrofits
Fonte: ABRAVA

A modernização dos sistemas antigos de ar condicionado pode colaborar para um futuro mais eficiente. Apesar da resistência dos empreendedores, os ganhos expressivos começam a despertar a atenção e, segundo avaliação do Departamento de Fabricantes, se não há investimentos do setor nessa área é por dificuldade de se obter linhas de financiamento.

As soluções de modernização passam por uma série de avaliações específicas a cada empreendimento, o que as torna, na maioria das vezes, sob medida. Além do uso de equipamentos mais eficientes, levam-se em conta itens como isolamento térmico, controle de volume de ar, automação, proteção contra insolação, programas de regulagem e manutenção, dimensionamento do sistema, local do empreendimento, tempo de funcionamento do equipamento, área destinada ao sistema etc.

Trabalhos desenvolvidos no âmbito da ABRAVA indicam que a modernização de um edifício comercial em uso, por exemplo, de 20 andares, dependendo do grau de intervenção, escolha do projeto de condicionamento e outras variáveis técnicas, pode exigir investimentos de R$ 700 mil a R$ 2,3 milhões (incluindo projeto, automação, instalação e equipamentos), com retorno do investimento previsto entre 12 e 36 meses. O consumo de energia pode cair em até 30% e a conta em até 50% (ao se tirar a produção de frio do horário de ponta do sistema, por exemplo). A vida útil do sistema é de, no mínimo, 20 anos.

Outro estudo do Departamento conclui que os sistemas instalados, se fossem submetidos a modernização, poderiam economizar até 20% da potência instalada da Hidrelétrica de Itaipu (algo como 2,2 mil MW). Estima-se que no Brasil existam 15 mil equipamentos de grande porte de ar condicionado, cerca de 35% do mercado nacional (usados em prédios comerciais e em processos industriais), com compressores centrífugos e alternativos de baixa eficiência, instalados antes de 1990. Considerando-se que esse tipo de equipamento teve uma enorme evolução tecnológica, sua substituição por resfriadores com compressores do tipo centrífugo e parafuso de alta eficiência disponíveis no mercado nacional, poderia abrir mão de 1,2 mil MW de energia.

Os 65% restantes do mercado de ar condicionado instalados podem contribuir com mais 1 mil MW de economia, com a modernização dos equipamentos de expansão direta, ou seja, os resfriadores a ar com troca de compressores do tipo alternativo (por pistão) por compressores do tipo scroll (compressão do ar por espirais).

No Brasil, estão localizadas unidades de produção e de Engenharia de grandes corporações de ar condicionado, ofertando ao mercado equipamentos de última geração e tecnologia de ponta, com produtos nacionais ou importados.

ArContec - Ar condicionado - Telefones: (11) 4489-6064 / Vivo: 99750-4653 / Nextel: 7934-7223 ID: 117* 100764
©Copyright - Todos os direitos reservados - Alotropia